USP oferece 4.500 vagas para a terceira idade

A Universidade de São Paulo estará realizando as inscrições para as atividades do primeiro semestre de 2016, do Programa Universidade Aberta à Terceira Idade, entre os dias 1º e 5 de fevereiro. Os interessados em ocupar as 4.500 vagas disponíveis serão atendidos por ordem de chegada para a inscrição e poderão escolher as disciplinas regulares oferecidas nas unidades de São Paulo, Bauru, Lorena, Piracicaba, Pirassununga, Ribeirão Preto e São Carlos.

O objetivo do Programa é possibilitar às pessoas idosas a oportunidade de conhecer alguma área de seu interesse e trocar informações e experiências com os jovens. O aluno que atender às exigências das disciplinas receberá Atestado de Participação emitido pela Pró-Reitoria de Cultura e Extensão Universitária.

As disciplinas regulares serão oferecidas conforme o Calendário de Graduação, com início em 15 de fevereiro e término em 30 de junho deste ano. Há opções em várias áreas como Artes, Humanidades, Comunicações, Educação Física, Enfermagem, Economia, Administração, Educação, Filosofia, Letras, Ciências Atmosféricas, Física, Matemática, Psicologia, Agricultura, Engenharia de Alimentos, Direito, Computação e Química, entre outras.

Algumas das disciplinas apresentam pré-requisitos sobre grau de instrução; o interessado pode ler a respeito no catálogo disponível na internet. Quanto às atividades complementares (cursos, palestras, semanas culturais, excursões), cada unidade de ensino define as datas. Para participar dos cursos, o idoso deve ter idade mínima de 60 anos.

O que sente uma pessoa que só teve a oportunidade de frequentar uma universidade depois dos 60 anos é algo um tanto difícil de imaginar para quem  teve acesso à educação superior e construiu uma carreira profissional desde cedo.

O relato da história de vida da aluna Railde Barbosa Lima (na imagem), que se encontra na introdução do catálogo desse Programa, nos dá uma luz a clarear nossas mentes sobre o significado dessa conquista. Vejamos as palavras dessa mulher inspiradora:

“Minha mãe era simples, mas muito inteligente: queria que eu estudasse. Sempre gostei de ler e escrever.

Mas quase não tive infância. Minha mãe faleceu quan­do eu tinha dez anos.

Fiquei cuidando da irmãzinha de um ano e meses, da casa, de meu pai…

Só com dezesseis anos vim para São Paulo.

Havia cursado o primário na Bahia; o ensino médio fiz em São Paulo.

Trabalhei aqui como vendedora e já me aposentei.

Tenho uma filha que cursou Administração, fez mestra­do e doutorado e hoje trabalha no Ministério Público em Brasília.

Qualquer expressão de arte me encanta. Faço agora Canto Lírico na ECA.

Tenho amor pelo teatro.

Trabalhei em mais de trinta peças, em diversos gêneros: comédia, drama, tragédia… e peças com proposta social, de protesto.

Fiz muitas disciplinas na USP. Quando entrei, a profes­sora Elza Ajzenberg me recebeu na História da Arte com uma acolhida que não esqueço e que me permitiu continuar.

Cada turma de alunos é diferente da outra, umas são receptivas, outras nem tanto, mas vão se chegando aos poucos do aluno idoso.

Frequentar a Universidade de São Paulo é a ambição, o sonho maior que uma pessoa poderá construir a partir da juventude.

Para mim, foi aos 70 anos que encontrei o caminho de acesso.

O programa Universidade Aberta à Terceira Idade, que maravilha! Que bendita oportunidade!

Cheguei timidamente, não acreditando muito que eu pudesse ser aceita porque estava há muitos anos longe dos bancos escolares e só cursei o ensino médio.

Mas fui acolhida e aqui estou desde 2009 respirando o ar puro desta Cidade Universitária.” (p. 7-9).

No documento há outras fotos da aluna. Há também desenhos de flores e frutas. Segundo a professora Ecléa Bosi, são do interior da Bahia, onde a homenageada viveu sua infância.

Outras informações: http://e.usp.br/58d

REFERÊNCIA

UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO. Programa Universidade Aberta à Terceira Idade. Catálogo. Pró-Reitoria de Cultura e Extensão Universitária. São Paulo, 2015.

 




 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *